Revolusolar

Revolusolar lança financiamento coletivo para primeira cooperativa de energia solar numa favela do Brasil

O projeto da ONG carioca, finalista em prêmio da ONU, vai atender dezenas de famílias na Babilônia e no Chapéu Mangueira que economizarão até 30% na conta de luz

Rio de Janeiro, 17 de setembro de 2020 – A ONG carioca Revolusolar lança hoje (17) uma campanha de financiamento coletivo para levantar recursos e instalar a primeira cooperativa de energia solar numa favela do Brasil. Cerca de trinta famílias das favelas da Babilônia e Chapéu Mangueira, na Zona Sul, terão uma redução média de 30% na conta de luz quando a cooperativa estiver em operação.

“Até agora, só tínhamos feito instalações solares individuais. Mas percebemos que para levar a energia solar para as famílias, o melhor modelo é o de geração compartilhada, através de cooperativas,” disse Eduardo Avila, diretor executivo da Revolusolar.

A cooperativa será construída com mão de obra local, na Associação de Moradores da Babilônia. Por questões de prevenção ao COVID- 19, as obras serão iniciadas apenas quando for seguro. Serão 58 placas solares de última geração instaladas no telhado de 177m2 da Associação de Moradores da Babilônia.

“Esse é nosso projeto piloto de um novo modelo que vínhamos desenhando e validando com diversos atores do setor de energia do Brasil e do mundo nos últimos meses, co-criando junto a lideranças locais,” disse Avila. “O plano é expandir e levarmos energia solar acessível a outras comunidades do Rio e do Brasil.”

Os materiais para instalação dos painéis serão doados pelas empresas chinesas LONGi e GoodWe, ambas líderes em produção de equipamentos para energia solar no mundo. Mas ainda falta cobrir os custos de instalação, capacitação profissional de moradores e implementação de medidas de eficiência energética nas casas dos beneficiados.

A cooperativa faz parte de um plano de expansão da atuação da Revolusolar. Na Babilônia e no Chapéu Mangueira, a ONG já mantém três instalações solares que geram R$ 15 mil de economia todo ano para uma escola, um albergue e um restaurante. Além disso, a organização já capacitou 31 moradores como eletricistas e instaladores de painéis solares.

“Desde que fiz a capacitação, tenho feito sempre trabalhos de manutenção particular. Minha vida mudou para melhor e ganhei novas perspectivas de trabalho”, disse Adalberto Almeida, o primeiro instalador solar treinado pela Revolusolar na Babilônia.

As doações podem ser feitas através do site Benfeitoria, em faixas que cabem em todos os bolsos, a partir de R$ 20. Todos os doadores ganham uma recompensa com base no valor doado, que vai desde o reconhecimento no relatório do projeto, passando eco-kits com copos, camisas e bolsas. Doadores corporativos recebem um treinamento imersivo em sustentabilidade para os seus colaboradores.

A campanha de financiamento coletivo dura um mês e depois disso a Revolusolar inicia as obras de instalação dos painéis solares. O lançamento da cooperativa está previsto para o mês de novembro.

Revolusolar

A Revolusolar é uma organização sem fins lucrativos que promove a energia solar em comunidades de baixa renda. Para isso, gerencia projetos de geração de energia, formação profissional, pesquisa, eventos e educação sustentável. A ONG coleciona reconhecimento internacional, como finalista do Prêmio Jovens Campeões da Terra, promovido pela ONU, e também finalista do Global Innovation Lab for Climate Finance, que seleciona instrumentos financeiros inovadores para impulsionar ações de adaptação e mitigação às mudanças climáticas.

Contato

Júlio Lubianco
julio.lubianco@revolusolar.com.br
21 96463-7061

Lenilton Costa
lenilton0105@gmail.com
61 99241-1191

Eduardo Avila
eduardo.avila@revolusolar.com.br
21 99915-8583

Deixe o seu Comentário